Vendas do comércio crescem com cenário econômico melhor

O comércio varejista é um termômetro importante de como anda a economia de um País. E o cenário econômico melhor confirma isso. Segundo a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), do IBGE, as vendas no setor cresceram 5,1% em comparação ao mesmo período de 2022.

É o resultado das medidas implementadas pelo governo Lula (PT) para reaquecer a economia e fazer a população consumir. A queda da inflação e as políticas públicas do governo estão impulsionando a economia, combinadas com lançamento do programa Desenrola Brasil, que contribui para os brasileiros pagarem suas dívidas e faz aumentar a confiança do consumidor.

As vendas do varejo medidas pelo índice ampliado da PMC (que inclui automóveis, materiais de construção e vendas no atacado) devem crescer 2,8% em 2023, ante a estimativa anterior de +1,0%. A confiança do consumidor deve fechar o ano com a média mais alta desde 2014.

De acordo ainda com o IBGE, no primeiro semestre deste ano, as vendas foram favorecidas pela redução do índice de preços do varejo; pelo arrefecimento na inflação de alimentos, que passou de 12,3% em janeiro para 2,9% em junho no acumulado em 12 meses; e pela melhora na confiança dos consumidores, que aumentou 9 pontos de janeiro até junho deste ano e alcançou o patamar de 94,8 pontos na série com ajuste sazonal, maior patamar desde janeiro de 2019.

com informações do IBGE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 4 =