SALVADOR CELEBRA

SALVADOR CELEBRA
Comerciários assinam Convenção Coletiva com setor lojista

Com informações da FEC Bahia

Após muitas rodadas de negociações e até momentos de embate, o Sindicato dos Comerciários de Salvador entrou em acordo com a entidade patronal e assinou, na manhã de hoje, 17, a Convenção Coletiva de Trabalho para o ano de 2024. A proposta já é considerada a melhor dos últimos 7 anos.

De acordo com o presidente, Renato Ezequiel, significa uma vitória grandiosa para a categoria. “Mesmo diante da resistência patronal nós resistimos e fomos para as ruas ganhar o apoio da nossa categoria. O resultado está aí: Garantimos ganho real no salário, aumento do ticket alimentação, pagamento dos feriados e o Benefício Social Familiar, que é uma clausula social importantíssima e sem custo algum para o trabalhador”, considera.

Inicialmente, a proposta oferecida pela entidade patronal se manteve, basicamente, no reajuste somente da inflação do ano de 2023 e com a abertura do comércio nos feriados sem remuneração adicional. Diante dessa realidade, o sindicato dos comerciários lançou a campanha “Nenhum direito a menos” e sensibilizou a categoria nas plataformas digitais e presencialmente, visitando os principais pontos comerciais da cidade.

Para Rosemeire Correia, vice-presidenta do sindicato, a adesão da categoria foi fundamental na negociação. “Conseguimos o apoio da categoria quando mostramos que a nossa preocupação maior era o bem estar e a qualidade de vida do trabalhador. Isso perpassa não só pelo financeiro, como também por melhores condições de trabalho”, avalia a representante.

A campanha salarial de 2024 ganhou tamanha proporção que foi possível reverter o quadro de resistência dos patrões e chegar a um acordo favorável pra ambas as partes, mas, sobretudo, garantindo os direitos dos trabalhadores. Segundo o diretor financeiro do sindicato, Reginaldo Oliveira, a proposta assinada irá contribuir ainda mais para o crescimento da economia na cidade.

“A classe comerciária é a única que ganha no comércio e gasta no comércio. O reajuste alcançado supera a inflação e devolve poder de compra para o trabalhador. Se colocarmos na ponta do lápis, os ganhos conquistados pelo sindicato para o trabalhador são cada vez maiores”, pontua Oliveira.

Confira os principais pontos ganhos para os comerciários e comerciárias da cidade do Salvador:

• Novo piso salarial no valor de R$ 1.581,00. Reajuste de 6.97%
Para quem recebe acima do piso, reajuste de 4.7% sobre o salário de março de 2023

Aumento do Tiket Alimentação para R$ 17,50

• Manutenção do triênio: Bonificação de 3% em cima do valor do salário do trabalhador a cada 3 anos efetivado

• Feriados pagos (Bonificação de R$ 56,00 + Folga)

• Feriados que não irão abrir:

o Dia 01 de janeiro
o Dia 01 de maio (Dia do trabalho)
o Dia 21 de outubro (Dia dos Comerciários)
o Dia 25 de dezembro (Natal)
* Domingo, segunda e terça-feira de carnaval serão ponto facultativo. (Bonificação de R$ 56,00 + Folga)

• Benefício Social Familiar (BSF)

o Ajuda natalidade: R$ 700,00
o Farmácia Natalidade: R$ 200,00
o Auxilio Funeral: R$ 3.500,00
o Apoio social e psicológico (Gratuito)
o Consultas telepresenciais (Gratuito)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − 12 =