Vendas pela internet somam mais de R$ 3,4 bilhões na Black Friday

Já tão esperada quanto o Natal, a Black Friday no Brasil mostra seus primeiros números. As vendas pela internet registraram mais de 3,4 bilhões de transações neste ano. Entre quinta (23) e sexta (24), até 23h59, o ticket médio foi de R$ 675,36.

Apesar do alto número de vendas, comparado ao ano passado, o faturamento teve queda de 15,1%, com também uma redução no número de pedidos, que atingiu 5,1 milhões, 14,9% menor que o mesmo período de 2022. As informações são da plataforma Hora a Hora, da Confi.Neotrust, empresa de inteligência de dados, em parceria com a ClearSale, referência em inteligência de dados e soluções para prevenção a riscos.

Foram detectadas 18,6 mil tentativas de golpes, representando aproximadamente R$ 26,6 milhões, uma redução de 56,4% na comparação com o ano anterior. As categorias que tiveram mais impacto devido às ações golpistas foram: ferramentas (2,7%), aéreas (2,5%), brinquedos (2%) e celulares e automotiva (1,8%).

O levantamento ainda mostra que os três produtos mais vendidos neste período foram: eletrodomésticos (20,8%); Eletrônicos (15,1%); e telefonia (11,9%). Os meios de pagamento mais utilizados para realizar as compras on-line foram, na ordem: cartão de crédito (56,5%); PIX (30,3%); boleto bancário (8,2%); e outros (e-wallet, cashback, débito e vales), com 5%.

Em relação a gênero, as mulheres lideraram as compras neste ano, representando 59% dos consumidores. Observando a faixa etária, pessoas entre 36 e 50 anos foram os que mais compraram (34%), seguidas pelas com idade de 26 a 35 anos (33,9%). Os mais jovens, com até 25 anos, representam 17%.

com informações da iG

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − quatro =