Material de construção fatura R$ 150 bilhões

Segundo a Federação Brasileira de Redes de Materiais de Construção (Febramat), o setor encerrou 2021 com crescimento de 16%. O levantamento é da Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Materiais de Construção), em parceria com o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas.

De acordo com o estudo, a tendência de crescimento se deu de forma consoante ao registrado em 2020, quando o setor cresceu 11% em comparação com 2019, registrando faturamento de R$ 150,55 bilhões.

BAHIA VAI BEM

Na Bahia, o setor também comemora. Segundo estudo da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), o comércio varejista ampliado, que inclui o varejo de material de construção, apresentou expansão de 6,2% nas vendas de março, em relação a igual mês do ano anterior.

Agora, é repartir o bolo com quem produz esse sucesso: os comerciários e as comerciárias que trabalham no setor, ajudando a ser uma potência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 3 =